10.4.15

NOVE ANOS


O SÍTIO DO POEMA nasceu faz agora nove anos, num tempo em que eu desbravava caminhos, na pele ainda a marca da cor das olaias, a afastar as silvas das bermas, a erguer a voz para dizer o que na casa morava e eu não sabia. Tenho muita ternura por este lugar virtual, meu caderno de apontamentos de escritas e olhares, fermento de livros que nasceram, porque outro tempo foi vingando, outros saberes de tristeza e alegria, de novidade sempre. 
Parabéns, companheiro do bom desassossego.

Licínia Quitério

6 comentários:

Mar Arável disse...

Venham mais cinco

M. disse...

Uma ternura este teu texto.

Graça Pires disse...

Parabéns, minha amiga. Sou fã deste "Sítio"...
Beijo.

tb disse...

e eu com ele...Sabes que gosto muito, amiga. Espero que muitos mais venham.
(os nossos blogs fazem anos na mesma altura) :)
beijo.

Justine disse...

Este lugar virtual é também uma sala onde eu me encontro contigo sempre que me apetece, e onde me habituei a ler boa poesia! Muitos parabéns, e que venham muitos mais anos!

heretico disse...

ao principio era o Verbo...
que se fez "corpo" de uma amizade sem mácula...

parabéns.

beijo

arquivo

 
Site Meter