19.12.10

AJUDA-ME





Ajuda-me. Este cansaço pesa nas palavras e eu não digo mais o sabor da alegria, o riso da manhã, o poder da montanha, o murmúrio das marés, o crepitar do amor em nossas mãos. Ajuda-me. A inclinação das ruas tornou-se insuportável e eu preciso subi-las para abraçar a memória da pele das rosas, do veludo do café, do abrigo das madeiras. Eu sei, as andorinhas voltarão ao recorte do telhado, o plátano será mais uma vez a capa do meu verão, saberei ainda adivinhar os barcos na transparência das casas, soltarei o riso na indecisão dos nevoeiros, na adolescência dos peixes vermelhos. Quero trepar a escada dos sonhos adiados, das promessas de pão, do brilho do oiro, da luz una e dividida, da paz, da paz. Não me deixa este cansaço de mil vidas no meu peito. Ajuda-me. Eu espero.

Licínia Quitério

10 comentários:

De Profundis disse...

Muito, muito belo... Tão boa esta sensação de inesperadamente tropeçar num texto que me comove, me faz desabar...
Deixo-lhe um beijo

Lídia Borges disse...

Licínia, que lindo este texto. Vem imbuído de um sentimento que identifico e, por isso, se faz meu.

Um beijo

bettips disse...

No esforço de subir, a beleza do caminho.
Como me apetece dizer alto o teu apelo!!!
Bjinho

hfm disse...

Belo.

Anónimo disse...

Gosto muito da foto; gosto das tuas palavras e não gosto do tom!!!
AIDA

Maria disse...

Se nos dermos as mãos é mais fácil. Na mesma direcção, a uma voz e muitas palavras. Destas.
Belo texto!

Beijo, Licínia.

Virgínia do Carmo disse...

Comovente apelo... apetece acorrer e ajudar...

Votos de um Natal feliz e imenso...

Beijinho

Mar Arável disse...

Um texto de beber às mãos cheias

um apelo que se conquista

Grato

Bjs

Graça Pires disse...

Eu ajudaria, mas como se já és a própria força das palavras?
Um beijo e um Natal cheio de LUZ. Que 2011 te traga saúde, amor e alegria.

Justine disse...

Pungente e nostálgico e fulgurante e comovente e profundamente poético, este cântico de "em-velho-ser" (roubando a expressão ao S.) , ou do tempo a esvair-se...
Gostaria de ter sido eu a escrever este texto, amiga:))
Boas Festas!

arquivo

 
Site Meter